Uma história de amor que resistiu ao tempo ganhou um final surpreendente. Um casal de nonagenários que se apaixonou durante a Segunda Guerra Mundial se reencontrou na França após mais de sete décadas. Eles finalmente se reuniram durante as comemorações de 75 anos do desembarque dos Aliados no Dia D.

Em 1944, K.T. Robbins, que atualmente tem 98 anos de idade, era um soldado do exército dos Estados Unidos que servia em regimento na localidade francesa de Briey. Lá ele se apaixonou por Jeannine Pierson, que hoje tem 92 anos. O casal teve que separar após dois meses de relacionamento, quando ele foi chamado às pressas para lutar no front oriental.

Após a guerra, Robbins voltou para os Estados Unidos, onde se casou com outra mulher. Apesar disso, ele nunca esqueceu Jeannine. O reencontro começou a tomar forma quando uma equipe de TV francesa, que estava fazendo uma reportagem sobre veteranos do Dia D, encontrou uma foto dela em um álbum de fotografias de Robbins.

No começo, Robbins achou que a tarefa de encontrar Jeannine fosse impossível. O veterano chegou a pensar que ela já tivesse morrido. Mas os repórteres conseguiram localizá-la e descobriram que a francesa também acabou se casando após a partida de Robbins. Então, a equipe de TV promoveu o emocionante reencontro entre o casal na França.

Quando ficou novamente frente a frente com Jeannine depois de tanto tempo, Robbins disse: "sempre amei você". Ela, por sua vez, falou que sempre pensou nele. Após o reencontro, os dois trocaram beijos e se despediram novamente, mas Robbins prometeu que iria vê-la novamente.




Postar um comentário

Tecnologia do Blogger.